Noticias

Competições de futebol feminino: quais são as principais no Brasil?

setembro 6, 2021
competições de futebol feminino no Brasil
Compartilhe este conteúdo

As competições de futebol feminino são cada vez mais numerosas. Isto se traduz em mais oportunidades às jogadoras. Além disso, os torneios também trazem cada vez mais atenção do público, ganhando inclusive espaço nos jornais e na TV.

Por isso, se você ainda não conhece as principais competições de futebol feminino, é hora de mudar isso e começar a entender a modalidade. Portanto, siga lendo para entender melhor!

Competições de futebol feminino na categoria profissional

competições de futebol feminino

Para começar, temos as competições de futebol feminino na categoria profissional. A partir de 2022, o Brasileirão feminino vai ter três divisões, que são a A1, A2 e a A3, o que vai refletir também na oportunidade para novas atletas.

Assim, com essa expansão, o número de times vai aumentar, indo de 52 para um total de 64. Dessa forma, estas 64 equipes estarão divididas entre as três séries, disputando entre si.

No caso da Série A-1, que é a principal, há um calendário fixo, que conta com 16 times participantes. O formato é de oito melhores equipes com classificação para a fase eliminatória.  Também há 4 que são rebaixadas à Série A-2.

Já, com relação à Série A-2, o formato atual, de 36 participantes, será alterado para a próxima temporada. Assim, a partir do ano que vem, o modelo será igual ao da Série A-1, com quatro rebaixados e com o mesmo número de classificados à fase final.

Por fim, na A-3, serão 32 participantes, sendo os 27 campeões estaduais da modalidade em 2020/2021, outros quatro provenientes do ranking nacional de clubes da CBF na categoria masculina e mais um proveniente do ranking de federações do futebol feminino.

Leia mais:  Justiça condena Cruzeiro a pagar R$ 3,2 milhões a Rafael Sobis, em ação trabalhista do atacante

Além disso, porém, há mais uma competição nacional que é interessante destacar. É a SuperCopa do Brasil da categoria feminina, que também é um torneio importante e que é muito visado pelas equipes competidoras.

Desse modo, observamos que o futebol feminino no Brasil se consolida cada vez mais, representando uma melhora qualitativa e quantitativa também. Assim, a modalidade vai se fortalecendo no país.

Campeonatos de base

Além das competições de futebol feminino a nível profissional, é importante destacar também os torneios de base, que são os responsáveis por formar as futuras atletas no país. Com relação a isso, também temos alguns destaques. Assim, entre elas, existem três que são preponderantes:

  • Brasileirão Feminino sub-18: começando pela competição sub-18, ela conta com 24 times e é voltada para atletas entre 14 e 18 anos de idade. Além disso, cada time pode inscrever um máximo de 23 jogadoras.
  • Brasileirão Feminino sub-16: já o campeonato sub-16, como indica o nome, é restrito para jogadoras de até 16 anos.
  • Liga de Desenvolvimento da Conmebol: por último, as Ligas de Desenvolvimento da Conmebol têm parceria com a federação sul-americana, e são disputados nas modalidades sub-16 e sub-14.

Dessa forma, cada vez mais o calendário feminino vai ganhando oportunidades, inclusive nas categorias de base. Há também as competições disputadas a nível regional e municipal. Elas são complementares às nacionais que vimos acima.

Outras competições de futebol feminino

competições de futebol feminino

Para finalizar, vale destacar que existem mais competições de futebol feminino do que somente essas que citamos acima. Então, como falamos antes, as citadas são as principais, mas não quer dizer que não existam outras.

Dessa forma, saiba que praticamente todos os estados têm campeonatos locais para as jogadoras. Além disso, há alguns torneios internacionais, em que algumas equipes também participam.

Leia mais:  Como a tecnologia no futebol tem ajudado os jogadores e os clubes?

Ou seja, há cada vez mais oportunidades de competições de futebol feminino no Brasil, o que aumenta a visibilidade da categoria e traz mais chances às atletas.

Gostou de saber sobre isso? Compartilhe com seus amigos e amigas para que acompanhem a modalidade!

Você sabe com quantos anos o menor pode assinar um contrato como jogador de futebol? Você sabe quais os direitos trabalhistas que o jogador de futebol possui? Nós, da Advocacia Maria Pessoa estamos à disposição para te auxiliar! Somos um escritório de Advocacia com assessoria jurídica desportiva especializada que conta com profissionais capacitados para as mais diversas demandas. Atuamos na área do Direito Desportivo, Direito Trabalhista, Direito Cível, Direito de Família e Direito Previdenciário. Podemos te auxiliar? Entre em contato conosco e agende sua visita em nosso escritório: (11) 2403-3180, (11) 97053-3654 (Whatsapp), e-mail: maria.pessoa.lima@terra.com.br . Ficaremos honrados em atendê-lo!

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply