Direito Desportivo

Doping no futebol: o que é e como evitar

junho 25, 2021
doping no futebol
Compartilhe este conteúdo

O doping no futebol tem um histórico de muitos escândalos, inclusive com atletas de ponta. Isto é algo que traz um prejuízo grande ao jogador, como punições e até perdas de contratos.

Desse modo, é importante que todo jogador coinjoin’s features saiba o que pode e o que não pode utilizar, consultando um médico especializado. Além disso, é interessante que saiba mais sobre o tema, para evitar cometer o erro que outros já tiveram. Por isso, acompanhe a publicação!

O que é considerado doping no futebol?

doping no futebol

Para começar, todo mundo tem uma ideia do que é doping, certo? É o uso de uma substância ilegal que, de certa forma, pode provocar alterações no rendimento do atleta.

No entanto, mesmo assim, há uma dúvida muito comum com relação a estas substâncias. Afinal, o que pode ser considerado doping no futebol? Quais drogas se encaixam nessa categoria? Os suplementos alimentares são também?

Drogas sociais

Primeiramente, sobre as drogas sociais, existe uma discussão que tem mudado recentemente. E isso está relacionado ao esporte de forma mais ampla, não somente ao futebol.

Isto porque a Agência Mundial de Antidopagem (WADA) mudou a sua conduta sobre substâncias proibidas no esporte e penas previstas. Agora, para os casos de drogas sociais (maconha, heroína, cocaína e ecstazy) a pena deve ser mais leve se o atleta aceitar um tratamento contra o uso da droga.

Ainda assim, como já falamos em um post antigo, as drogas sociais trazem diversos malefícios aos jogadores que vão muito além do antidoping. Por exemplo, prejudicam o rendimento em campo, a imagem do atleta e podem até significar a perda de contratos importantes.

Medicamentos

Da mesma forma que com drogas sociais, existem alguns medicamentos que são considerados doping no futebol. Isto acontece porque eles podem ocasionar numa vantagem indevida ao atleta, com a melhora do rendimento ou então mascarando possíveis outras drogas.

Neste caso, porém, a lista é bastante extensa. Entre as substâncias proibidas, estão vários agentes anabolizantes, hormônios peptídicos, diuréticos, moduladores hormonais e metabólicos, entre outros. Para acessar a relação completa de medicamentos proibidos, clique aqui e veja diretamente na WADA.

Leia mais:  O que é a MP do mandante? Entenda!

Suplementos

Entre os suplementos proibidos, estão os que fazem a mesma função dos medicamentos que mencionamos acima. Portanto, para ter acesso à lista completa, basta ver o site da WADA citado anteriormente.

Casos de doping no futebol

Infelizmente, casos de doping no futebol não são tão raros quanto alguns possam imaginar. Então, para que você lembre alguns momentos clássicos, veja abaixo alguns jogadores que já foram pegos no antidoping:

  • Maradona: o exame do jogador detectou o uso de efedrina (que melhora o desempenho) na Copa do Mundo de 1994, além do conhecido uso de drogas sociais que já havia sido detectado em 1991.
  • Jobson: o ex-atacante do Botafogo teve o uso de cocaína detectado em 2009 e, depois, tendo sido punido também em 2014.
  • Campos: este é conhecido como o primeiro caso de doping no futebol brasileiro, tendo ocorrido em 1973 com o atacante do Atlético MG.
  • Dodô: o ex-atacante, conhecido pelos gols bonitos, testou positivo para uma substância utilizada para a perda de peso, a femproporex.
  • Alex Alves: utilizando uma substância relacionada à inibição do apetite, a sibutramina, o jogador foi pego em 2007, quando atuava no Juventude.
  • Dinei: assim como Jobson e Maradona, Dinei também testou positivo para cocaína.
  • Nilton e Wellington: à época no Internacional, os dois volantes testaram positivo para as substâncias clorotiazida e hidroclorotiazida, que são diuréticos, e alegaram que foi sem intenção através do consumo de suplementos alimentares.

Como funciona o exame antidoping

doping no futebol

Perceba como existem vários exemplos de doping no futebol. Alguns, são de ingestão ou uso proposital, quando o atleta sabe o que está fazendo. Outros, porém, são em forma de ingestão inadvertida em fórmulas que, aos mais leigos, parecem inofensivas.

Leia mais:  Como escolher um bom escritório de direito desportivo em SP?

Quem detecta isto, então, é o exame antidoping. Em resumo, ele pode ser por amostra de sangue ou de urina, e costuma ser realizado em uma das três formas abaixo listadas:

  1. Controle fora de competição: é feito, por exemplo, durante treinamentos antes ou depois do torneio. No entanto, nem todas as substâncias são pegas neste exame.
  2. Controle durante competição: o exame é feito com até 12 horas de antecedência da partida ou imediatamente após ela acabar, sendo considerado o mais completo.
  3. Passaporte biológico: realizado em qualquer período, também é conhecido como controle de saúde. Ele avalia dados hematológicos e esteroidais para descobrir se há ou não o uso de agentes externos.

Por fim, saiba que o uso de substâncias como essa no futebol só traz prejuízo no longo prazo. Por isso, o ideal é que você se esforce e melhore seu desempenho apenas com seus esforços. E, sempre que for procurar uma nova substância, verifique se está na lista de proibidas ou não.

Gostou de saber mais sobre este assunto? Se ficou com alguma dúvida ou lembrou de algum outro caso conhecido, deixe nos comentários!

Você sabe com quantos anos o menor pode assinar um contrato como jogador de futebol? Você sabe quais os direitos trabalhistas que o jogador de futebol possui? Nós, da Advocacia Maria Pessoa estamos à disposição para te auxiliar! Somos um escritório de Advocacia com assessoria jurídica desportiva especializada que conta com profissionais capacitados para as mais diversas demandas. Atuamos na área do Direito Desportivo, Direito Trabalhista, Direito Cível, Direito de Família e Direito Previdenciário. Podemos te auxiliar? Entre em contato conosco e agende sua visita em nosso escritório: (11) 2403-3180, (11) 97053-3654 (Whatsapp), e-mail: maria.pessoa.lima@terra.com.br . Ficaremos honrados em atendê-lo!

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply