Direito Desportivo

Saiba o que é fisiologia do esporte e conheça sua evolução

novembro 4, 2019
o que é fisiologia do esporte
Compartilhe este conteúdo

A pressa para conquistar um corpo mais definido e superar os próprios limites leva muitas pessoas a exagerarem na prática dos exercícios, sem a devida atenção para evitar riscos. Em relação aos atletas, essa falta de cuidado é ainda mais grave, pois pode ocasionar lesões e contusões sérias que vão comprometer sua performance. Nesse sentido, é importante saber o que é fisiologia do esporte e como ela pode beneficiar os desportistas.

Os profissionais que trabalham nessa área estudam os efeitos das atividades físicas nas doenças, para, assim, definir estratégias para redução e reversão da progressão de determinada patologia, evitar contusões, tratar lesões de modo mais eficaz, entre outros benefícios.

Para saber mais sobre esse assunto e conhecer como surgiu essa metologia, siga a leitura!

O que é fisiologia do esporte?

A preocupação com os riscos da atividade física e os cuidados na hora do treino levou à criação de metodologias para a recuperação dos atletas profissionais. A fisiologia do esporte se derivou da fisiologia do exercício e essa evoluiu da anatomia.

A anatomia estuda a estrutura do organismo, a fisiologia do exercício estuda o impacto das atividades físicas nas funções do corpo e a do esporte aplica esses conceitos aos exercícios do atleta, melhorando sua condição física e performance.

Qual a sua história?

Hoje já é conhecido o impacto do esporte nos órgãos e sistemas do corpo humano, além da adaptação das funções fisiológicas ao esforço muscular. Contudo, foi uma longa jornada até os grandes clubes e atletas reconhecerem a importância de analisar o efeito dos exercícios no organismo.

Essa ciência começou a ser estudada desde o século XIX. Em 1889, Fernand LaGrange lançou o livro Physiology of Bodily Exercise, que tratava da fisiologia do exercício, sendo o pontapé inicial para sua aplicação nos esportes. Após esse marco, as grandes pesquisas só passaram a aparecer no século XX, sendo mais crescente após 1960.

Leia mais:  Entenda o papel fundamental dos pais na formação de atletas mirins

Como impacta os atletas?

Durante a prática de exercícios, diferentes músculos se movimentam, a quantidade de sangue bombeado pelo coração aumenta, e o atleta precisa respirar corretamente para alcançar um bom rendimento. Daí a importância da fisiologia do esporte que precisa pegar todas essas informações e buscar soluções que otimizem o preparo do competidor.

Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert

Dessa forma, a cada treino, o atleta consegue retornar a sua frequência cardíaca mais rapidamente. Esse é o principal diferencial entre o desempenho de uma pessoa comum e do desportista profissional.

Como trabalhar da maneira correta?

Como toda ciência, ela se utiliza de alguns métodos para alcançar os resultados esperados. A melhor metodologia para que esse estudo ajude a aperfeiçoar a performance do atleta é realizar o teste de volume de oxigênio (O2) e gás carbônico (CO2).

Nesse teste, feito durante a prática do exercício, é avaliada a troca gasosa, com a coleta dos volumes de O2 e CO2, inspirados e exalados. Com o auxílio de uma máscara, a quantidade de cada gás é medida para analisar a adaptação do indivíduo ao esforço realizado com a atividade. Isso permite avaliar sua aptidão aeróbia e determinar a origem da dispneia de esforço.

Aplicação no futebol

O futebol é um esporte muito popular em todo o mundo e, principalmente, no Brasil. Por isso, é esperado que todos os meios de melhoramento de performance dos jogadores sejam utilizados. Na fisiologia do esporte, os atletas são submetidos a diversos exames na pré-temporada, com o objetivo de acompanhar sua evolução e adequar os treinos aos seus resultados.

Com os efeitos obtidos com sua aplicação, clubes nacionais — como Palmeiras — e internacionais — como Real Madrid, Barcelona e Chelsea — já vêm implementando o método em seus centros de treinamento com bons resultados.

Leia mais:  5 cuidados necessários com a condição física do atleta profissional!

Na busca por melhorias no esporte, muitos profissionais abusam dos exercícios e acabam comprometendo seu desempenho. A preparação correta e o treino ideal possibilitam que o indivíduo melhore sua performance para alcançar os objetivos desejados.

Dessa forma, conhecer o que é fisiologia do esporte permite que os clubes e os treinadores coloquem em prática essa ciência, contribuindo para melhorar a vida e a carreira dos atletas.

Gostou de conhecer mais sobre esse assunto? Para ficar por dentro das novidades e não perder nenhum conteúdo, siga as nossas redes sociais. Estamos no Facebook e no YouTube!

Contato EspecialistaPowered by Rock Convert
Você sabe com quantos anos o menor pode assinar um contrato como jogador de futebol? Você sabe quais os direitos trabalhistas que o jogador de futebol possui? Nós, da Advocacia Maria Pessoa estamos à disposição para te auxiliar! Somos um escritório de Advocacia com assessoria jurídica desportiva especializada que conta com profissionais capacitados para as mais diversas demandas. Atuamos na área do Direito Desportivo, Direito Trabalhista, Direito Cível, Direito de Família e Direito Previdenciário. Podemos te auxiliar? Entre em contato conosco e agende sua visita em nosso escritório: (11) 2403-3180, (11) 97053-3654 (Whatsapp), e-mail: maria.pessoa.lima@terra.com.br . Ficaremos honrados em atendê-lo!

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply