Orientações Gerais

8 recomendações para ter uma viagem de teste de futebol segura

dezembro 25, 2020
viagem de teste
Compartilhe este conteúdo

Uma viagem de teste de futebol é algo muito importante para o atleta, porque pode abrir portas no exterior. Ela significa a sua oportunidade de conseguir a tão sonhada chance de jogar em outro país, dando início ou continuidade à sua carreira.

No entanto, ao receber um convite desses, você precisa estar atento a alguns fatores específicos. Por isso, ter as recomendações corretas para ter uma viagem de teste de futebol segura é fundamental. Leia para entender!

1.      Conheça os problemas mais comuns

A primeira recomendação para que você tenha uma viagem de teste de futebol segura é saber quais são os problemas mais comuns. Ou seja, o que já aconteceu com outros atletas, que temos conhecimento e que pode ser evitado?

  • Falta de visto de trabalho
  • Falta de credenciamento dos agentes
  • Ida para clubes que não entregam o que prometem

Isto é, a ideia aqui é evitar que você chegue no exterior e a realidade seja completamente diferente do que prometeram. Para isso, veja as próximas dicas.

2.      Negocie um acordo escrito com antecedência

Seguindo, uma ótima forma de evitar estes problemas que citei acima é documentar tudo. Isto deve ser feito com a maior antecedência possível, prioritariamente antes da viagem acontecer.

Nesta documentação, deve estar disposto quais são as responsabilidades e deveres de cada um destes:

  • Do seu agente/empresário
  • As suas responsabilidades
  • Do clube estrangeiro

Ou seja, quem irá pagar pelo seu alojamento, pela alimentação e pelos custos da viagem de uma forma geral enquanto você tem sua viagem de teste de futebol? É importante, também, que você tenha a passagem de volta comprada por um destes responsáveis, para se algo der errado.

Leia mais:  Dupla nacionalidade no futebol: qual a real importância?

3.      Tenha o visto certo para viagens de teste de futebol

viagem de teste

Uma viagem de teste de futebol exige que você entre regularmente no país de destino. Isto significa que você deve ter um visto apropriado, que muitas vezes pode ser um de negócios, por exemplo. Veja aqui nosso post sobre isso.

4.      Verifique a licença do seu agente/empresário

Infelizmente, nem todo mundo que aparece à porta dos jogadores de futebol é confiável. Isto é válido inclusive quando falamos de agentes, uma vez que alguns podem não ser certificados e aptos ao trabalho.

Para evitar que este problema aconteça com você, verifique se ele é credenciado na FIFA, na CBF ou na federação do país que você está indo. Além disso, pesquise se outros atletas brasileiros são representados por este agente/empresário.

5.      Deixe suas informações com um contato no Brasil

Ter um contato de confiança no Brasil é muito válido antes de uma viagem de teste de futebol. Dessa maneira, você pode deixar com ele todos os seus dados, os dados do agente/empresário, do clube estrangeiro e uma cópia da documentação.

Caso haja qualquer problema, este seu contato de confiança no Brasil poderá auxiliá-lo. Ele poderá ir até as autoridades nacionais, por exemplo, levando estas informações.

6.      Informe-se sobre o clube estrangeiro antes da viagem de teste de futebol

viagem de teste

Se antes falei que é bom ter informações confiáveis sobre seu agente/empresário, o mesmo é válido para o clube estrangeiro. Afinal, ele está interessado em oferecer a viagem de teste de futebol para se aproveitar de algo ou para cumprir o que prometeu?

Leia mais:  Com quantos anos um jogador brasileiro pode tirar visto para jogar futebol na Europa?

Por isso, certifique-se de que este clube está vinculado a uma federação, em primeiro lugar. Em seguida, busque informações também sobre a situação financeira, e se ele realmente é capaz de pagar o que prometeu (como os custos da viagem).

7.      Saiba onde fica a embaixada e o consulado brasileiro no país de destino

A sétima dica também está relacionada à tentativa de evitar qualquer tipo de problema ou resolvê-lo rapidamente caso ocorra. Por isso, saiba que o Brasil é representado no exterior por embaixadas e consulados.

Eles são os locais em que você deverá procurar ajuda, em caso de qualquer emergência. Então, tenha anotados os contatos e endereços com antecedência, para o caso de uma inesperada necessidade.

8.      Obtenha orientação profissional

Para finalizar, saiba que uma orientação jurídica adequada ajuda a resolver estes problemas e muitos outros. Existem muitas vantagens relacionadas a um profissional de advocacia esportiva, como já mencionei em outras publicações.

Portanto, caso você precise de um serviço desses, entre em contato com a Advocacia Maria Pessoa! Nossa experiência permite ajudá-lo a ter a sua viagem de testes com segurança e livre de emergências.

Você sabe com quantos anos o menor pode assinar um contrato como jogador de futebol? Você sabe quais os direitos trabalhistas que o jogador de futebol possui? Nós, da Advocacia Maria Pessoa estamos à disposição para te auxiliar! Somos um escritório de Advocacia com assessoria jurídica desportiva especializada que conta com profissionais capacitados para as mais diversas demandas. Atuamos na área do Direito Desportivo, Direito Trabalhista, Direito Cível, Direito de Família e Direito Previdenciário. Podemos te auxiliar? Entre em contato conosco e agende sua visita em nosso escritório: (11) 2403-3180, (11) 97053-3654 (Whatsapp), e-mail: maria.pessoa.lima@terra.com.br . Ficaremos honrados em atendê-lo!

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply